Início » Sua Região » Cubatão » Sem Mourão, debate de PG tem como foco atual Administração

Sem Mourão, debate de PG tem como foco atual Administração

Atual prefeito não compareceu ao debate; Rosana Marques, do PSL, abandonou o encontro após crise renal

O debate entre os candidatos à Prefeitura de Praia Grande, organizado pelo Sistema Santa Cecília de Comunicação nesta segunda-feira (29), foi marcado por ausências e críticas à atual Administração. Participaram do encontro os candidatos Carlos Karan (PSD), Jasper (PSOL) e Ribamar (PSDC). A mediação ficou a cargo do apresentador Irineu Alves.

Tentando seu quinto mandato à frente do Paço Municipal, Alberto Mourão (PSDB) não compareceu ao debate, embora seus assessores tenham concordado com as regras em reunião anterior. A candidata do PSL, Rosana Marques, abandonou o encontro ao final do segundo bloco após uma crise renal. A assistente social passou o domingo e a segunda-feira internada no hospital Santa Casa de Santos.

A ausência do atual prefeito foi amplamente comentada pelos demais candidatos. Carlos Karan lamentou a ausência de Mourão, afirmando que o atual prefeito ‘faltou com responsabilidade com a população’. A fala foi endossada pelo candidato Ribamar. Ainda presente ao debate, a assistente social Rosana Marques afirmou que não havia motivos capazes de justificar a ausência do atual prefeito.

Em debate equilibrado, os candidatos questionaram a atual Administração principalmente nas áreas de saúde, segurança e educação. Um tema abordado por todos os pleiteantes foi o fato de 90% das escolas municipais de Praia Grande estarem instaladas em terrenos alugados.

Praia Grande é o quarto colégio eleitoral da Baixada Santista. O município possui mais de 200 mil eleitores, o que oferece possibilidade para segundo turno.

Propostas

Primeiro candidato sorteado para responder às perguntas enviadas pelos internautas do Santa Portal, o jornalista Jasper discursou sobre o potencial turístico de Praia Grande. O candidato falou sobre o plano piloto do município e a possibilidade de geração de renda por meio do setor turístico.

Jasper também abordou a necessidade de atualização da Guarda Civil Municipal e reforço da segurança. Em sua fala final, o candidato destacou a 69ª posição que Praia Grande ocupa em um levantamento de riqueza feito com 655 municípios brasileiros. No entanto, a mesma cidade aparece no número 335 no ranking de Índice de Desenvolvimento Humano (IDH). O jornalista destacou a discrepância nos números e a necessidade de rever prioridades para gestão.

Questionado sobre investimentos em saneamento básico, Carlos Karan destacou o fato de, embora ser uma Estância, Praia Grande ainda não possui balneabilidade nas praias.

Outro ponto abordado pelo candidato foi a atual especulação imobiliária no município.  Ele afirmou que boa parte das atuais áreas de investimentos estão nas mãos de amigos do atual prefeito. Sobre os aluguéis, Karan afirmou que, caso seja eleito, irá fazer uma auditoria para renegociar os valores pagos e, de médio a longo prazo, buscará uma solução para a situação. O vereador ressaltou que de 2013 a 2014 a atual Administração gastou R$6 milhões em aluguéis de notebooks, valor que poderia ter sido empenhado na construção de duas escolas.

O candidato Ribamar discursou sobre assistência social em sua primeira fala. O comerciante ressaltou a necessidade de uma união entre a Região Metropolitana da Baixada Santista para buscar maior interlocução com o Governo do Estado, com o objetivo de angariar investimentos.

Ribamar defendeu um revisão nas prioridades de investimentos e maior diálogo com a população.
Rosana Marques, enquanto esteve presente ao debate, defendeu melhorias no ensino e a implantação de escolas em período integral. A candidata também citou a ausência de vagas nas creches e a necessidade de valorização dos professores.

 

 

1dp8

Resposta

Seu email não será publicado.Campo obrigatório *

*

WP Facebook Auto Publish Powered By : XYZScripts.com